O que levar em consideração ao escolher um Coworking?

porNova Letra
O que levar em consideração ao escolher um Coworking?

Coworkings estão disponíveis no mundo todo e são uma opção muito vantajosa para a maioria dos negócios, especialmente para empreendedores, startups, empresas que desejam reduzir custos e aumentar sua rede de oportunidades, mas o que é necessário considerar ao escolher o seu Coworking ideal?

Existem diversas modalidades de Coworking, e alguns locais integram muitas dessas possibilidades em um único espaço, então é necessário avaliar o que é efetivamente necessário para o seu negócio e quais são suas perspectivas de crescimento, para que sua escolha seja adequada ao presente e ao futuro de seu negócio.

Uma pesquisa realizada em 2018 pela DeskMag, chamada de Global Coworking revela que até o final deste ano cerca de 1.7 milhões de pessoas estarão trabalhando em cerca de 19 mil Coworkings mundo afora e até 2022 serão ao menos 30 mil espaços compartilhados. Ou seja, há muita gente engajada, trabalhando e gerando resultados a partir de muitos Coworkings espalhados pelas cidades. No momento da sua escolha, é importante que reflita e avalie o que é essencial e o que pode ser necessário com o passar do tempo, e itens que podem alavancar o seu negócio.

Listamos aqui 10 pontos para que você considere no momento da sua escolha pelo Coworking ideal para a sua empresa, para você e sua rotina, pensando sempre na criação dos melhores resultados e também no profissionalismo, flexibilidade, credibilidade e comodidade de seu negócio.

  1. Frequência de uso do Coworking: É importante que avalie qual será a sua rotina para ter uma ideia da quantidade de horas, ou dias que precisa do espaço no Coworking, assim, você conseguirá negociar o melhor pacote para o seu caso e atender às suas demandas reais. Verifique também as possibilidades de ampliação deste tempo, os períodos em que pode utilizar, por exemplo, se informe qual o horário de funcionamento e as possibilidades de ampliação de sua permanência.

Outra dica legal é avaliar se há convênios com Coworkings em outras cidades, assim, se precisar se deslocar para reuniões fora de seu local base, pode se instalar com melhores valores em um Coworking parceiro.

  1. Quais são as opções para a sua estação de trabalho: Em grande parte dos Coworkings há mais de um tipo de espaço de trabalho, há mesas privativas, compartilhadas, sofás, salas exclusivas. Alguns locais oferecem computadores e outros não, então é necessário que avalie a sua real necessidade para a escolha daquilo que é melhor para você e sua empresa.
  2. O que poderá ter além da estação de trabalho: Identifique o que o Coworking oferece além da estação de trabalho desejada. Há um espaço para um cafezinho? Está incluso ou é pago a parte? E a secretaria, impressões, internet banda larga, uso de salas de reunião, como tudo isso funciona? É importante avaliar tudo isso antes para não ter nenhuma surpresa.
  3. A atmosfera do local tem conexão com você: Coworkings, em geral, são espaços cheios de personalidade, então encontre um que considere realmente adequado ao seu estilo de vida e de trabalho.
  4. Tente saber quem são os outros membros do Coworking: é bem bacana saber quem mais está naquele espaço e buscar por empresas e profissionais com habilidades diferentes das suas, mesmo que dentro do mesmo segmento. Lembre-se, o Coworking não é uma loja feita para vender, então ter concorrentes não é um problema, pode até ser uma boa fonte de troca de experiências.
  5. Como é o wifi: A internet é uma ferramenta essencial para o trabalho atualmente, então teste o serviço, verifique a capacidade oferecida e se há algum mecanismo de redundância, para não correr o risco de ficar sem internet.
  6. Tem período de teste: Alguns Coworkings oferecem um dia ou algumas horas para você testar, é legal saber como você se sentirá efetivamente trabalhando dentro de um local antes de assinar um contrato.
  7. Planos para uso: É importante que avalie os valores e também as possibilidades do Coworking onde deseja estabelecer sua empresa. Por exemplo, quais são as opções para mais tempo, horários, agendamento de salas privativas, como é o café, há opções com secretária? Tudo isso pode fazer grande diferença em sua rotina e precisa ser considerado.
  8. Oportunidades para Networking: Pense além do layout, avalie se há eventos, como é a comunidade instalada, há ações para promover a interação como palestras e cursos promovidos pelo Coworking, o cafezinho é incentivado? Isso te dá uma noção do que esperar quando estiver lá.
  9. Você vê a sua empresa naquele local: Ao estar dentro do Coworking, avalie, você se vê trabalhando dentro daquele ambiente diariamente? Se sente confortável, acolhido, e entende que seus clientes, fornecedores e parceiros também se sentirão bem recebidos, em um ambiente profissional e adequado, com a cara do seu negócio?

Nossa dica extra é, pense na localização! O acesso é muito importante tanto para o seu dia a dia, quanto para quem você precisa e deseja receber, se for o caso de sua empresa. Verifique se há estacionamento fácil, como é para entrar no prédio, se as pessoas são simpáticas e facilitadoras e também se é seguro.

Pensando em tudo isso, certamente você escolherá o melhor Coworking para você e sua empresa!

Em Curitiba, o Nova Letra Coworking fica no Centro, próximo ao Fórum da Justiça do Trabalho e oferece um pacote de serviços de alto valor agregado, além de todo o básico, você pode ter acesso ao espaço em horário estendido, tem gaveteiros com travas individuais, monitoramento 24 horas ao dia, internet de alta qualidade, utilização do endereço para fins comerciais e fiscais, café e água à vontade, biometria para acesso, secretaria e muito mais. Venha nos conhecer!

WhatsApp